Para relaxar! Confira 7 dicas para criar um espaço zen em casa

6 minutos para ler

De tanto escutar por aí, a gente meio que já sabe o que significa ser zen, né? Mas você sabia que esse é o nome de uma escola filosófica do budismo? Pois é, ela acabou sendo associada a pessoas e ambientes tranquilos e que transmitem paz.

A vida da gente já anda uma loucura, ainda mais com essa história dehome office. Por isso, é importante ter um lugar especial, que ajude você a se desligar do mundo, ouvir música, ler um livro, meditar ou, simplesmente, relaxar.

Claro que para criar um espaço zen em casa você não tem de mudar de religião ou fazer um curso avançado de levitação, você só precisa de um cantinho sossegado e essas 7 dicas que a gente escolheu com carinho.

Respire fundo, solte o ar devagar e continue com a leitura agora mesmo!

1. Escolha o lugar

Para fazer seu espaço zen em casa é super importante que você goste do ambiente. Sempre tem um lugar que a gente curte mais, não é mesmo? Pode ser na sacada, num cantinho na sala ou até mesmo no seu quarto.

Se tiver luz natural perto é melhor, porque vai ajudar com as plantas, além de influenciar norelaxamento. Calma, nós vamos falar mais da iluminação lá na frente.

2. Escolha as cores

A gente não costuma pensar de forma consciente sobre a influência que as cores têm sobre nós, só que elas têm, sim, um papel essencial na criação do espaço zen em casa. Cores claras deixam oambiente maior e são bem legais para dar uma sensação de relaxamento.

Não é que você não possa escolher tons vibrantes e intensos, é que eles são ótimos para trazer energia e vigor, o que não vem ao caso em um lugar para descansar, não é mesmo? Deixe o colorido para as plantas que você vai escolher.

3. Traga a natureza para perto

As plantas ajudam muito a criar um ambiente de calma e bem-estar. Você pode escolher espécies resistentes e que não precisem de muitoscuidados, mas que sejam vistosas.

As plantas vivas têm sua energia própria e ajudam a criar o clima, mas você também pode usar algumas flores secas em cestos e cachepôs para ajudar a compor um ambiente charmoso e perfumado, o que nos leva ao próximo item.

4. Inspire-se na aromaterapia

O olfato é um poderoso meio de despertar sensações — não se preocupe, vamos nos concentrar só nas boas— e não é à toa que a indústria de perfumes movimenta bilhões por ano. Então, por que não trazer esse poder para o seu espaço zen em casa?

Você pode borrifar as essências nas flores secas, usar difusores, aromatizadores, velas perfumadas ou incensos. Cada nota ajuda a despertar um sentimento, mas você tem de escolher aquelas que você gosta. Só não vai misturar tudo de uma vez!

Lavanda

O perfume dessa linda flor violeta tem um toque refrescante, ajuda a relaxar e é ótima para meditar e organizar os pensamentos.

Cedro

É um gigante que pode crescer mais de 30 metros de altura! É usado na aromaterapia pelas suas propriedades calmantes, que ajudam a controlar a ansiedade, o medo e a angústia.

Cipreste

O óleo essencial dessa árvore também é relaxante e indicado para diminuir a irritabilidade, o nervosismo e a inquietação.

Ylang Ylang

A planta tem sua origem na Indonésia, mas por causa do seu perfume, ficou conhecida no mundo todo. Aproveite o aroma para relaxar o corpo e a mente.

Jasmim

Essa flor delicada e perfumada tem propriedades relaxantes e calmantes. Pode ajudar a melhorar a depressão e a insônia.

5. Escolha uma iluminação suave

Lembra que nós comentamos ali em cima que um ambiente que recebe a luz natural é um bom começo? Isso porque a luz do sol tem uma frequência que proporciona uma experiência mais relaxante.

Também é legal criar pontos de luz indiretos com lanternas, velas ou abajures. Se for usar lâmpadas, escolha aquelas que também emitem tons amarelados, porque esse tipo de luz ajuda a lembrar o nosso relógio biológico que é hora do descanso.

6. Pense no conforto

Os móveis e a disposição em que eles vão ficar são muito importantes para dar aconchego no espaço zen em casa. Mantenha asimplicidade e use de poucos objetos. É melhor pensar primeiro no conforto do que na estética.

Se você não tem muita grana para investir, pode colocar um tapete felpudo e algumas almofadas, ou um pufe bem fofinho e confortável. Busque inspiração em imagens na internet.

7. Use elementos naturais

Aproveite a energia da água, das pedras e dos cristais, colocando-os pertinho de você. O barulho de uma fonte ajuda a relaxar e traz umidade para o ambiente. Elas são bem simples de fazer usando um bonito vaso, algumas pedras e uma bombinha para aquário.

Cristais coloridos também trazem charme e energia. Experimente pendurar peças lapidadas onde possam refletir a luz do sol.

Ok, nós sabemos que esse tipo de cristal não é natural, mas o efeito de milhares de minúsculos arco-íris flutuando no seu espaço zen compensa o nosso deslize.

Inspire-se com os sinos de vento, que podem ser feitos de diversos materiais, como bambu, cerâmica, conchas, madeira ou metal. Esses objetos tiveram sua origem na China e eram usados em templos para afugentar maus espíritos.

Sem discutir suas propriedades místicas, os sons emitidos por ele podem ajudar a relaxar e a trazer uma sensação de paz e tranquilidade — além de ser uma peça de decoração bem legal. Só se lembre de testar antes para não enjoar do som.

Ter um espaço zen em casa é muito mais do que um recurso de decoração, é um gesto de carinho com você mesmo. A Yuca, por exemplo, já tem algunsapartamentos com ambientes com algumas dessas características para proporcionar aos Yukers uma qualidade de vida melhor.

Quer ajudar mais pessoas a encontrarem a sua paz interior? A gente vai ficar muito zen se você compartilhar este post nas redes sociais com os seus amigos!

Posts relacionados

Deixe um comentário